Filme "B" >> os Seriados

Os seriados (serials, em inglês) foram um tipo de filme B com várias características próprias.

    * Cada seriado tinha entre dez e quinze epísódios;
    * Cada episódio durava entre quinze e vinte minutos e era exibido nas matinês de sábado. O final sempre mostrava uma situação de perigo, o chamado "gancho" (cliffhanger), para obrigar o espectador a voltar na semana seguinte;
    * Segundo o estudioso William C. Cline, em In The Nick Of Time: Motion Picture Sound Serials (citado por A C. Gomes de Mattos em A Outra Face de Hollywood: Filme B, pág. 27), os ingredientes obrigatórios de um seriado eram: um Herói, com quem a platéia podia se identificar; uma Heroína, bonita e vulnerável; um Vilão, ameaçador e cruel; seus Capangas; um Prêmio, ardorosamente desejado pelo vilão: um mapa, um documento secreto, uma arma, uma fórmula química etc; e os Perigos, diabolicamente concebidos, insidiosamente perpretrados, destrutivamente fatais e aparentemente inescapáveis;
    * Assuntos, temas e personagens recorrentes incluiam: aventuras nas selvas, viagens interplanetárias, super-heróis dos quadrinhos, invasões por discos voadores, a Polícia Montada canadense, agentes secretos, o "perigo oriental", foras-da-lei (principalmente Jesse James), o FBI, mocinhos e bandidos mascarados, pilotos de aviões e a Guarda Costeira estadunidense. Segundo o autor A. C. Gomes de Mattos, "era um mundo fantástico de cidades perdidas e tesouros escondidos, passagens secretas e armadilhas traiçoeiras, perseguições eletrizantes e perigos fatais, vilões misteriosos e heróis mascarados -- puro escapismo, sim, mas irresistível";
    * Apesar de ter existido desde os tempos do cinema mudo, o seriado teve sua fase áurea nas décadas de 1930 e 1940. Entre 1929 e 1956 foram produzidos duzentos e trinta e um desses filmes B, a maioria nos estúdios da Republic, Columbia e Universal;
    * O primeiro seriado sonoro foi O Ás da Scotland Yard (The Ace Of Scotland Yard, 1929, Universal), com dez episódios. Nele, o Herói Inspetor Blake, interpretado por Crawford Kent, enfrenta mil Perigos ao combater a Vilã Rainha dos Diamantes, que planeja roubar um precioso anel (o Prêmio), por sorte pertencente à sua noiva, a Heroína;
    * Já o último a ser produzido foi Prisioneiros das Selvas (Perils of the Wilderness, 1956, Columbia), com quinze episódios estrelados por Dennis Moore. Apesar do título sugerir um cenário africano ou amazônico, trata-se de um faroeste com aventuras da Polícia Montada no noroeste do Canadá.